Foi inaugurado no dia 17 de Dezembro de 2014 o Museu de Minérios do RN. O museu de minérios no Campus Natal-Central do IFRN e foi construído através de parceria entre o Instituto, a Petrobras e o Governo do Estado. A abertura para visitação do público foi  feita no dia 12 de Janeiro.

Primeiro Parágrafo

O Museu de Minérios

O Museu de Minérios do RN possui um acervo de 1.800 minerais. As amostras são de diversos materiais, desde argila, passando pelo ferro e pedras preciosas. Em breve, estará aberta também à visitação uma sala do petróleo, sobre organização da Petrobras. A coordenadora do Museu, professora Narla Sathler, do IFRN, falou da diversidade de materiais expostos, lembrando da dificuldade em selecionar as peças do acervo, que serão constantemente trocadas.

O projeto arquitetonico do museu foi assinado pela arquiteta do IFRN, Ana Claudia Gondim Filgueira. As obras de construção do edifício aconteceram entre 2008 e 2010, com execução acompanhada pelos engenheiros Josué Martins da Silva e Carlos Guedes Alcoforado. Posteriormente, foi elaborado o projeto de ambientação, pela equipe formada pelas arquiteta e desenhista Érika Maria Alcoforado e pelas engenheiras Sandra Maria de Lima e Iara de Brito Pereira.

Museu de Minérios.
Museu de Minérios.

Ao todo, para execução dos projetos de arquitetura e ambientação, foram investidos R$ 653.984,00, contando com o patrocínio da PETROBRAS através de recursos oriundos de renúncia fiscal por meio da Lei Câmara Cascudo, de incentivo à cultura, do Governo do Estado. O espaço ocupa uma área de 670,62 m², divididos em dois pavimentos, com oito ambientes internos.

Abertura do Museu de Minérios para visitação

O Museu de Minérios do RN está  aberto para a visitação desde o dia 12 de janeiro de 2015. As visitas ao público externo serão realizadas das 15h às 17h. O turno da manhã ficará reservado às visitas agendadas por grupos, em especial, turmas de escolas. Haverá uma equipe de quatro geólogos para acompanhar as visitas, que poderão ser guiadas ou não.

Fonte: IFRN

Imagem: Smithsonian Natural History Museum / By: Tim Evanson

Banner Newsletter